Monday, 16 July 2012

Laxmanrao Sardessai - Sou Querido de Todos (1966)


Sou querido de todos,
Porque quero a todos
Como pais, filho ou irmãos,
Vejo neles correr
A mesma seiva,
Tomar a matéria,
As mesmas formas,
Brilhar o mesmo espírito divino,
E tudo isto me funde neles.
Perdi, há tanto, interesses mundano
Que dividem e separam,
Tenho apenas o interesse
Que a Terra e o Sol nutrem,
Pela Terra que gira, incessante,
Pelo seu amor!

No comments:

Post a Comment

Post a Comment